Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

My Cute Panda Life

Be simple. Be original. Be yourself.

My Cute Panda Life

Ontem vi o "The Revenant" e confesso que gostei...

Hi everybody! Como sabem o "The Revenant" é um filme que foi premiado ontem, e como tal eu vi-o devido a ser muito falado. Vi o filme e, sinceramente, não achei nada de especial, não desgostei, mas não foi um daqueles filmes que quero repetir tão cedo.

A história até é porreira, o DiCaprio esteve muito bem na atuação, e os efeitos especiais estão muito bons. Em síntese, não foi mau, mas não foi o que esperei.

 

Sou uma filha terrível

Eu não sei se já vos contei que sou uma filha terrível e a razão pela qual afirmo isto com toda a certeza, mas conto outra vez na mesma (caso já tenha contado).

Este ano eu esqueci-me completamente do aniversário da minha mãe, passou-me mesmo. O problema não foi esse, isso não é o pior.

No dia anterior eu adormeci a pensar que mal acordasse lhe tinha de dar o parabéns, mas os Globos de Ouro eram naquele dia e eu também queria saber se Jennifer Lawrence tinha ganho ou não.

O certo é que levantei-me com a ideia de ir dar à minha mãe os parabéns, mas fui à casa de banho arranjar-me e quando cheguei à beira dela à cozinha não sei o que me deu, esqueci-me completamente e perguntei-lhe se já se tinha falado dos Globos de Ouro na televisão e se já tinham dito se a Jennifer Lawrence tinha ganho, fiquei a dizer isto até ir para a escola.

Quando estávamos a escrever o sumário perguntei o dia a uma colega e ela disse-mo, não estão bem a ver o que foi. Há hora do almoço fui com um amigo meu à papelaria em frente da escola comprar um postal de aniversário e, como a florista estava fechada, não lhe trouxe nenhuma flor.

Senti-me mesmo mal, TODA a gente se tinha lembrado, menos EU! A minha mãe disse que não fazia mal porque estava numa fase de ataques de ansiedade muito seguidos, e que por isso, era natural ter-me esquecido, mas eu não mudo a minha opinião.

 

A minha nova tendência | Colares compridos

Hoje trago aqui um post sobre moda, e como nós é que fazemos a nossa própria moda eu lembrei-me de ir fazendo uns posts destes.

Penso que qualquer pessoa quando lesse o artigo iria pensar que eu iria escrever sobre as minhas t-shirts de ombro descaído, mas como isso já está mais que falado, pensei em falar do meu novo amor: colares compridos.

Sempre quis ter um colar comprido, mas infelizmente, sempre que os meus pais me compravam algum, era sempre curto. Já estava sem esperança e pensei mesmo em comprar um para mim, mas no Natal, quando abri a prenda dos meus pais, vi que a minha mãe me tinha escolhido o tão amado colar comprido que, por coincidência, tinha um mocho (algo que eu sempre quis era um colar assim, todas as minhas amigas tinham durante o 6º ano).

Usei-o nos primeiros dias, mas entretanto deixei de o usar, esta semana fui buscá-lo ao guarda-jóias e ultimamente tenho usado-o bastante.

Não sei porquê mas acho que isto complementa um bocado o meu look das t-shirts e dos calções ou jeans.

E vocês, qual tem sido a vossa tendência ultimamente? Também gostam destes colares?

 

What nightmare!

Hoje tive um pesadelo terrível, e não, desta vez as pessoas de quem mais gosto não morriam e eu não acabava a morrer no fim. Sonhei com a pior coisa que me podia acontecer nesta altura.

Sonhei que estava na escola, vomitei, estava enjoada e tinha um atraso. Elas convenceram-me a comprar um teste de gravidez e praticamente obrigaram-me a fazê-lo, apesar de eu ter recusado.

Só para as calar lá fiz o teste com plena noção de que era impossível eu estar grávida. O problema foi que saí da cabine com o teste nas mãos e ainda não tinha aparecido nada, mas eu não estava nervosa o problema foi que apareceram dois tracinhos. Eu fiquei em choque!

Acordei com as minhas dores de barriga e pensei cá para comigo "Que raio de sonho, ou melhor, de pesadelo", os meus amigos conseguiram o que queriam.

Espero não passar nesse teste assim tão cedo, nem que para isso tenha de reprovar a todos os da escola, nesse é que não!

Óscares

Como já toda a gente sabe, amanhã, dia 28 de fevereiro vai realizar-se em Los Angeles a cerimónia dos Óscares. Mal posso esperar, já marquei o cabeleireiro e já tenho os sapatos e o vestido para ir, por mim eu ia de jeans e de t-shirt, mas a minha mãe não me deixou e obrigou-me a ir comprar um vestido (brincadeirinha)!

Bem, acho que já toda a gente sabia disto porque nos últimos dias não se fala de mais nada! Eu não vi nenhum dos filmes nomeados para a categoria dos melhores, mas mesmo assim, tenho quase a certeza que o "The Revenant: O Renascido" vai ganhar, primeiro porque pelo que ouvi da história deve ser muito bom e depois porque está nomeado para oito categorias, será inevitável não ganhar pelo menos uma.

Ora, se o "The Revenant" ganhar o Óscar de Melhor Filme, consequentemente o Leonardo DiCaprio vai ganhar o Óscar de Melhor Ator.

A falar nos melhores atores eu estou ansiosa para saber quem vai ganhar o Óscar de Melhor Atriz e, sinceramente, acho que conhecendo-me como me conhecem, já sabem por quem estou a torcer. Como é óbvio eu tenho quase a certeza absoluta que a Jennifer Lawrence vai ganhar outra vez, e também tenho quase a certeza absoluta que ela vai cair nalgum lugar, porque como ela própria diz, é a marca dela. Estou ansiosa também por ver o vestido que ela vai usar, a Dior faz sempre um bom trabalho no que toca às cerimónias onde ela vai, tem sempre vestidos absolutamente fantásticos (e não, eles não beberam Fanta, os vestidos não bebem. Quanto a ela, isso eu não sei, mas pelo que vi ela gosta mais de beber vinho e, segundo a Família dos Hunger Games, ela é a mais bêbeda do grupo)!

Vou estar a torcer por eles os dois, para mim eles são os melhores atores (quero só esclarecer que não estou a traír o Josh Hutcherson porque ele não está nomeado e, além do mais, ele vai ausentar-se da atuação e vai tentar lançar-se na direção e realização de um filme) nomeados.

E vocês, por quem estão a torcer? Têm algum favorito?

 

 

 

Tipos e problemas de bloggers

Eu sei que muitos de vocês já leram posts assim milhões de vezes, mas eu quero fazer uma coisa diferente. Vou falar dos tipos de bloggers e o problema dos bloggers.

Comecemos pelos tipos de bloggers com que eu já me deparei:

  • Os cuidadosos: Este tipo de bloggers estão sempre preocupados com o vocabulário, com a articulação das frases e com o tipo de linguagem que vão usar no post. Preocupam-se em formatar tudo muito bem formatado e antes de publicá-lo voltam a lê-lo para verificarem se está tudo em condições. Depois, quando o publicam vão ver ao blog como ficou e voltam a lê-lo para ver se não tem erros ou mesmo se não se esqueceram de nada.

 

  • Os naturais: Este tipo de bloggers encontram inspiração nas mais pequenas coisas como na paisagem, numa música ou no seu quotidiano, tudo os faz ter inspiração e lhes dá ideias. Basta abrir a página e quando vêem a folha virtual em branco vem-lhe uma ideia qualquer, não precisam de ficar a pensar, numa questão de milésimas de segundo já têm um assunto para escrever. Quanto aos posts em si, não estão tão preocupados com a formatação ou a planificação, deixam tudo acontecer naturalmente.

 

  • Os stressados: Este tipo de bloggers não consegue arranjar inspiração como os naturais porque são demasiado stressados, não relaxam e ficam sempre a pensar no que escrever, por isso mesmo, nunca lhes sai nada. É uma complementação dos cuidadosos.

 

  • Os relaxados: Este tipo de bloggers deixam a vida passar, não se preocupam demais e isso, parecendo que não, nota-se imenso nos posts que escrevem. Não pensam muito no futuro, escrevem porque lhes dá prazer e porque gostam disso, não pensam numa carreira de bloggers, mas se acontecer porque não?

 

  • Os divertidos: Este tipo de bloggers é quase igual aos relaxados, mas com uma dose de divertimento. Falam das coisas mais tristes até com algum humor usando a ironia para isso.

 

Passando agora aos problemas que acho que a todos nos atingem, cá vai:

 

  1. Esquecer a brilhante ideia que tivemos
  2. Não ter uma ideia clara sobre o que fala o nosso blog
  3. Não ter sobre o que falar
  4. Falarmos de nada por falta de assunto
  5. Não termos disponibilidade para escrever

 

E agora vou falar de um problema que não sei se é geral, mas a mim está constantemente a acontecer. Tenho a caixa de rascunhos cheia. Eu sei que não parece um grande problema, mas o problema é a razão pela qual tenho a caixa de rascunhos cheia.

O meu grande problema é que estou a escrever um texto e, por muito bom que possa estar e que me digam que está, para mim simplesmente não presta! Se estiver a escrever qualquer coisa, durante o encadeamento de ideias eu vou lendo e chega a um ponto que guardo como rascunho porque acho uma verdadeira porcaria o que estou a escrever!

Tantas vezes que já tentei escrever um livro... mas nunca consegui ir para a frente com a ideia, proque apesar de gostar do que estou a fazer à primeira impressão, mais cedo ou mais tarde, acabo por deixar de lado porque detesto o que estou a fazer, acho que não presta!

O meu pai já falou comigo sobre isso e diz que é insegurança e que não faz sentido deixar as coisas de lado, porque quem sabe, eu até tenha muito bom material guardado.

Têm algum destes problemas ou identificam-se com algum destes bloggers?

 

Mais uma vez, a Demi não desilude!

Sofreu de bullying durante a escola, iniciou a sua carreira em "Barney and Friends" em 2002, quando tinha cerca de nova anos.

Entrou para a Disney e foi Mitchie Torres em Camp Rock, tendo protagonizado também a série Sunny Entre Estrelas com o papel Sunny Munroe.

Finalmente, foi jurada do "The X Factor: USA". Depois desse percurso lançou vários discos, fez tours internacionais e graças a isso, tem a fama que tem.

Recentemente lançou o novo albúm, e há cerca de poucos dias ela lançou o videoclip da música "Stone Cold", em português, "Pedra Fria".

Eu vi, adorei, e estou a partilhar com a blogosfera a música que me deixou arrepiada devido a ela atingir notas no final que são altíssimas! Ela é absolutamente o máximo, passou a ser a minha cantora favorita sem dúvida!

 

A Liberdade de Expressão refletida no Bloco de Esquerda

Lembram-se de quando há cerca de um ano se falava imenso da liberdade de expressão e toda a gente andava por aí a gritar aos sete ventos "Je Suis Charlie"? Pois, nessa altura toda a gente dizia que não fazia mal, porque eles só se estavam a expressar-se e não havia mal nenhum. Mas querem saber uma coisa engraçada?

O Bloco de Esquerda lançou um cartaz muito apelativo e do qual, sinceramente, eu gostei. Basicamente é uma imagem de Jesus Cristo que diz que Jesus também tinha dois pais. Já se está bem a ver, a Igreja Católica ficou toda a ofendida! Isto nem é para ofender, é para falar sobre a adoção homossexual!

O certo é que, toda a Comunicação Social não se cala com isto, o que é curioso, não é?

Quando fizeram troça do profeta Maomé não fazia mal, mas como foi com Jesus Cristo (apesar de não ofender não ter sido a intenção) já faz mal e já não pode haver liberdade de expressão, sinceramente...

No meio disto tudo há um nome que pode perfeitamente descrever a situação: hipócrisia.

Mas bem, quando é com os outros ninguém quer saber, hipócritas... hipócritas... hipócritas....

 

OMG! Ele é lindo!

Não estão bem a ver o que aconteceu hoje. Estava a ver no Facebook e vi o rapaz mais giro que alguma vez vi!

Como é óbvio mostrei a foto dele às minhas amigas e aconteceu algo parecido a isto:

-Estão a ver o tenista de que vos falei?

-OMG! Ele é lindo!

-Eu sei, e este não é gay (longa história que vou contar depois) e é mais velho um ano, e claro mais alto que eu! Quando nos cumprimentamos é com dois beijos, eu ponho-me em biquinhos de pés e ele ainda tem que se baixar um bocado!

-Meu deus! Quando for assim, desvia a cara um bocadinho quando ele te for dar um beijo!

-Achas? Não, eu não sou assim, posso ser muita coisa mas ainda não cheguei a esse ponto!

-Eu quero-o!

-Não o conheces!

 

Bem, não estão bem a ver, só de ver a fotografia elas coraram, eu admito que quando olho para ele sou a mesma coisa, mas é diferente.

Ele é tão lindo que nem vos passa pela cabeça! Não dá para desviar o olhar! Tive uma colega minha que não se acreditava que ele fosse só um ano mais velho que nós, achava que ele tinha 20 anos!

 

 

 

 

Sou "saladeira" segundo a minha irmã

Hi everybody! Eu não sei se já contei aqui alguma vez, mas eu fui uma criança muito incomum no que toca a alimentação.

Quando comecei a comer comida propriamente dita eu adorava peixe, mas por causa de mr ter engasgado com a espinha de um e depois de ter ido parar ao hospital com uma gastrointrite as coisas mudaram e eu passei a detestar peixe!

No outro dia estávamos à mesa e a minha irmã disse que eu era muito "saladeira". Porquê? Porque eu sempre gostei de quase todos os legumes, nunca foi preciso reclamar comigo para os comer. Se há coisa que eu mais gosto são legumes!

A minha irmã é precisamente o contrário, não gosta de legumes e gosta de peixe. Somos completamente opostas!

Quem mais aqui é uma "saladeira" de carteirinha? E quando digo "saladeira" digo "saladeiro" também!

Pág. 1/5

Quem está deste lado?

Uma adolescente com os seus consistentes 15 anos que sobrevive às adversidades do dia a dia, acompanhada do seu blog, onde conta as suas peripécias e aventuras.

Estudante de secundário durante o dia, blogger durante a noite. Uma apaixonada pela escrita de todo o tamanho. Pensadora nata. Eterna sonhadora.

Para muitos um livro aberto, para outros um mistério por resolver.

Intrigado? Fica por estes lados e talvez desvendes o mistério.

Apresentação Visual

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D