Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Sou uma nuvem

Eu sei que parece impossível, mas eu sou uma nuvem. Percebi que sou uma nuvem a partir do excerto de uma obra de um tal de José Gomes Ferreira, ao qual os autores do manual apeliaram de "Parece impossível, mas sou uma nuvem".

No fundo, todos somos nuvens, a diferença é como diz o narrador do texto, as nuvens são livres e nós não. Porque é que digo que sou uma nuvem? É simples, porque toda a gente vê nas nuvens coisas diferentes, tal como elas, as pessoas também nos vêm de formas diferentes. Nós somos tudo, menos nós próprios, por diferentes motivos, pode ser para ser aceite, para trabalho ou para agradar a alguém, mas acabamos por ser tudo e mais alguma coisa menso nós mesmos!

Infelizmente o Elixir da Longa Vida é esse, fazermos de conta que somos o que não somos e concordar e discordar de certas coisas para o nosso bem, perto de diferentes pessoas, termos diferentes personalidades, diferentes facetas!

Quem mais não se revê?

 

Tag | Defeitos e Qualidades

A Claúdia nomeou-me para esta tag, que foi criada recentemente pela Raquel.

Para fazer esta tag, segue estes passos:

 

1º- Coloca a imagem de marca de água da tag (imagem de marca)

 (Imagem retirada daqui)

 

2º- Tens de responder às três perguntas base

3º- Responder às perguntas que te foram colocadas

4º- Taguear duas pessoas para responder à tag

 

Portanto cá vai...

 

  • Testes: Os testes são bons para nos prepararmos para a vida, nomeadamente, eu creio que quando resolvemos um, estamos a solucionar problemas do futuro. No fundo, quando resolvemos um teste podemos ter vários obstáculos e problemas a resolvê-lo até ao final, mas acabamos por ultrapassá-los, mais à direita mais à esquerda, mas conseguimos! Por outro lado, são uma enorme dor de cabeça e trocam-nos os horários todos!

 

  • Músicas tristes: São ótimas para refletirmos, nomeadamente porque cada pessoa pode e deve interpretar a letra e a melodia (sim, interpretar a melodia) de formas diferentes. São más no aspeto em que podemos chegar a conclusões e ter pensamentos indesejados(as).

 

  • Telemóveis: São dos melhores objetivos inventados nos últimos tempos, além do mais inovador, porque passar de carta a telefonema é algo muito diferente, ainda mais quando é móvel, ou seja, de todos os lugares! O grande defeito é que hoje em dia o telemóvel é subvalorizado pela sociedade e assume um papel desnecessário e superficial (ainda que seja útil, é uma realidade).

 

As perguntas da Claúdia são:

 

  • Amizades: São ótimas porque sabemos que podemos contar com essa pessoa, sentimos que estamos bem com essa pessoa, e como tal sabemos que a pessoa sente o mesmo. No entanto, como sempre ouvi dizer "Amigos, amigos, negócios à parte", nem sempre os nossos amigos são nossos amigos, até porque muitas vezes a amizade é apenas um interesse mútuo.

 

  • Amor: O amor, confesso que é um tema que me custa falar e que sinceramente foi o único que não consegui arranjar imediatamente um aspeto positivo, mas lá arranjei um. O amor é aquela coisa espétacular que ocupa um lugar que os amigos não conseguem ocupar, porque tarde ou cedo, os amigos vão acabar por deixar de estar na nossa órbita e é o(a) nosso(a) mais que tudo que vão ficar connosco para as boas e para as más, sempre. O defeito é complicado por só um, mas acho que o principal é ter o efeito que tem nas pessoas, parece que ficam parvas, e em alguns casos chatas devido à obcessão nessa pessoa.

 

  • Coisas antigas: O lado positivo das coisas antigas é que têm uma história e uma simbologia qualquer para cada um de nós, o lado negativo é que na maioria são móveis, e os móveis e as coisas antigas partem-se com mais facilidade e são (geralmente) "mamarrachos" que ocupam imenso espaço.

 

Eu nomeio:

 

 

E as minhas perguntas são:

 

  • Saídas à noite
  • Blogs
  • Novelas

Quando juntamos o Shawn Mendes com Justin Bieber o resultado não podia ser melhor

Estava a navegar no Youtube quando encontrei um cover onde juntaram o Shawn Mendes com o Justin Bieber, e um bocadinho de rap pelo meio também, e na minha opinião, o resultado não poderia ser melhor. O facto de terem juntado a "new generation" com a "old generation", não é que esteja a chamar ao Justin velho, mas como o Shawn é mais recente, eu chamei-os de "new generation" e "old generation".

 Mais um cover excelente do Conor e do seu companheiro.

(Para quem se lembra, eles fizeram aquele cover da "Hello" de que eu falei)

Good, I'm sick! That's perfect!

Hi everybody! Sim, estou doente. A minha irmã pegou-me a gripe, e pior é que hoje acordei cheia de dores de garganta e de cabeça, e quando estava mesmo a abrir a porta para ir embora (isto às 8 da manhã) para a escola, o meu pai disse-me para faltar, e sabem o que disse a minha mãe? Volta-se e diz "Falta nada! Vai-te mas é embora, vai para a escola, vai!".

Sinceramente agora ainda estou pior, passei o dia todo doente e agora ainda mais! Mas olha, já é sexta-feira e finalmente posso descansar em paz!

 

Quem está deste lado?

Uma adolescente com os seus consistentes 15 anos que sobrevive às adversidades do dia a dia, acompanhada do seu blog, onde conta as suas peripécias e aventuras.

Estudante de secundário durante o dia, blogger durante a noite. Uma apaixonada pela escrita de todo o tamanho. Pensadora nata. Eterna sonhadora.

Para muitos um livro aberto, para outros um mistério por resolver.

Intrigado? Fica por estes lados e talvez desvendes o mistério.

Apresentação Visual

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D