Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Quando a inspiração não vem

Acho que toda a gente que está envolvida na blogosfera, mais tarde ou mais cedo, acaba por ficar sem ideias, a inspiração falha e os posts não são nem escritos, nem idealizados (como muitas vezes alguns ficam apenas).

Este post é fruto da minha falta de criatividade (e de não querer fazer uma movie review a seguir a outra), de inspiração, e de uma pancada na cabeça que ajudou a luzinha aqui dentro a acender e a ter uma daquelas ideias brilhantes!

Então pensei em fazer a expectativa e a realidade da vida de um(a) blogger!

 

Situação 1: Chegando à dashboard

 

Expectativa:

 

Yes, estou cheia de comentários para responder! As reações estão a aumentar, que felicidade!

 

Realidade:

Uff! Isto está a ser um desastre, não há comentários! As reações continuam a não existir, já não me lembro do que é aquela coisinha verde a avisar que tenho uma reação!

 

Situação 2: Chegada às Leituras

 

Expectativa:

Wow, tantos posts para ler! 

 

Realidade:

Porque é que ninguém posta mais nada? Eu sabia que não devia ter lido tudo de uma vez!

 

Situação 3: Aberta a "oficina"

 

Expectativa:

Que é que vou escrever? Ah já sei, porque não escrever sobre o Euro 2016? Ou sobre aquele filme que eu vi ontem? Ou sobre aquele videoclip novo que saiu? Wow, tanta coisa para escrever sobre.

 

Realidade:

Que é que vou escrever? Pois... podia escrever sobre o Euro 2016! Nãããooo, toda a gente escreve sobre isso e eu também já escrevi sobre isso! Ou sobre aquele filme... não, já falei sobre ele! Não há videoclips recentes... ai estou em apuros!

 

Situação 4: Assim que o post é publicado e o lemos

 

Expectativa:

Wow, ficou mesmo bem!

 

Realidade:

Mais valia ter posto no rascunhos!

 

 

Bem, eu não sei se vocês pensam assim ou se vos acontece, mas isto é o que me acontece a mim, mas também são algumas coisas que já não acontecem e que em tempos aconteceram.

Se tiverem algo a recriminar, eu aviso que a culpa não foi nem minha, nem das estrelas, mas da falta de inspiração existente!

 

Movie Review | Love, Rosie

Nos últimos tempos tenho andado a ver alguns filmes (ainda tenho algum tempo e aproveito e vou vendo um bocadinho quando dá), e um desses foi o filme "Love, Rosie", e designado em Portugal como "Deixa o Amor Entrar".

A história fala sobre Rosie Dunne e Alex Stewart, dois jovens que são melhores amigos desde que têm 6 anos. Fazem tudo juntos, desde as encrencas, até às boas ações, sempre juntos. Mas por um motivo que eu não vou revelar o caminho deles separa-se.

Eu acho que vale a pena ver este filme, a Rosie e o Alex são um mimo, melhores amigos, e esse é mesmo o problema deles. 

Gostei muito da Rosie, da simplicidade dela, e por consequência, da sua graça. Bom trabalho o da Lilly Collins ao interpretar esta personagem.

Quem já viu?

 

Quem está deste lado?

Uma adolescente com os seus consistentes 15 anos que sobrevive às adversidades do dia a dia, acompanhada do seu blog, onde conta as suas peripécias e aventuras.

Estudante de secundário durante o dia, blogger durante a noite. Uma apaixonada pela escrita de todo o tamanho. Pensadora nata. Eterna sonhadora.

Para muitos um livro aberto, para outros um mistério por resolver.

Intrigado? Fica por estes lados e talvez desvendes o mistério.

Apresentação Visual

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D