Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Visita à Secundária

Hey there!! Andei mais desaparecida porque estive doente e porque tive que estudar as matérias em atraso, coisa que ainda tenho que continuar a fazer, mas pronto. 

Hoje trago-vos um post de um acontecimento mesmo muito fixe que se passou hoje: a ida a uma Escola Secundária.

Para quem não sabe eu estou neste momento no 9º ano, mas a minha escola é apenas básica, e a Secundária ao lado da minha escola contém 3º ciclo também, logo nunca fui mesmo a uma Secundária a sério.

Fomos de camioneta, todos muito animados e mal chegamos fomos muito bem recebidos pelo pessoal de turismo. Dividiram-nos todos em grupos de 15, o meu foi só de raparigas e primeiro dirigimo-nos ao bloco A.

A primeira sala a que fomos foi de Espanhol, onde ouvimos apenas algumas músicas cantadas e compostas por mulheres de países cuja língua oficial é o espanhol, o que foi mesmo muito fixe.

Em seguida fomos para a sala que eu tanto queria visitar: a sala de Alemão. Mal entramos fomos surpreendidos por duas professoras  que começaram a falar-nos em Alemão. Imaginem então a nossa reação, éramos burras a olhar para um palácio. Jogamos uns jogos e à saída deram-nos folhas com informações sobre a língua e sobre o curso de Humanidades, além de nos terem dado sumo de maçã e waffles com nutella.

Finalmente, fomos para aquela sala em que se instalou o riso, que foi a sala de Português, visto que encontramos uma amiga nossa e houve uma leitura de um poema com uns gestos um tanto quanto... expressivos, além de um pequeno teatro bastante giro, claro que foi tudo feito pelo pessoal de Artes do 12º ano.

Acabando com o bloco A, fomos para o bloco B, onde ficam os laboratórios, onde vimos diversas experiências, e as salas de desenho com desenhos fenomenais, e por fim, a minha sala favorita: a sala da multimédia.

Nessa sala um dos meus sonhos foi realizado, eu tirei uma foto com o Jamie Dornan, para quem não sabe, o Christian Grey. Fiquei mesmo feliz, eu e uma amiga minha de cada lado e ele no meio, foi mesmo giro, uma euforia desgraçada mesmo!

A escola é mesmo muito gira e toda a gente pareceu mesmo simpática, diverti-me bastante e gostei mesmo muito!

Mal posso esperar por ir para o Secundário, apesar de aquela nunca vir a ser a minha escola, eu mal posso esperar para ir para o 10º ano.

 

Não há coisa melhor!

Estou eu aqui no meu quartinho a preparar-me mentalmente não só para Educação Física, como para o resto das outras disciplinas, até que dou um pulo de felicidade.

Acontece que no horário oficial eu tenho tarde livre quer à quinta-feira, quer à sexta-feira, no entanto, quinzenalmente tenho 45 minutos de PEP (Preparação para o Exame de Português), mas adivinhem só! Esta semana o meu turno vai ter as duas tardes livres!

Santa 5ª-feira, you wait for me, you too 6ª-feira, I'm coming for you!!

Está a dar-me aqui uma dorzinha

Hey there!!

Hoje é quarta-feira, para muitos poderá ser apenas mais um dia de aulas da Faculdade, ou apenas mais um dia cansativo ou não de trabalho. Não para mim.

Hoje está a ser um dia nostálgico, amanhã, tanto eu, como maior parte dos estudantes que frequentam o ensino obrigatório, vamos voltar às aulinhas!!!!

Vai-me custar tanto ir e ter logo Educação Física pela manhã... mas vá, temos que encarar a escola de forma positiva, não é verdade?

Boa sorte para toda a gente que vai recomeçar as aulas amanhã e muita coragem para sair da cama cedinho!

#1 Student Life | Como faço os meus apontamentos

Acho que todo o estudante que é dedicado à escola, estuda para os testes, eu sou uma delas. O meu método são os resumos. Para muitos, estudar é aborrecidíssimo, mas eu não penso assim, eu penso que temos de nos saber motivar e pensar que o resumo não é escrever lá a matéria, é uma ata do que achamos conveniente saber.

Neste post venho mostrar-vos como faço os meus apontamentos, porque eu não faço aquele tipo de resumo convencional do género: escrevo aqui o título deixo uma linha e escrevo a matéria. Os meus resumos são umas história completamente diferente.

Para começar, vou fazer aqui uma pequena lista dos materiais que uso:

  • caneta preta
  • caneta de ponta fina preta
  • Sublinhador amarelo
  • Lápis de cor verde
  • Lápis de cor rosa
  • Lápis de cor amarelo
  • Canetas de outra cor

 

Neste momento devem estar a pensar porque é que raio eu utilizo lápis de cor nos meus resumos, afinal está toda a gente habituada a canetas de cores diferentes e a sublinhadores, mas quem disse que não posso pintar os títulos, o nome das definições e a parte importante?

É importante referir que não os uso todos no mesmo resumo, vai dependendo do que me apetece fazer no dia, penso que a criativadade é uma das palavras chave para os resumos.

Os únicos materiais que mantenho sempre são as duas canetas. Uso a caneta de ponta fina para fazer alguns títulos com uma letra mais trabalhada ou para fazer os caixilhos em torno do título, se os fizer uso sempre uma caneta de outra cor para os enfeitar.

Quando uso o sublinhador amarelo (posso usar mais que o amarelo, mas costuma ser raro), faço títulos trabalhados. Algo que eu faço e que antes não fazia é ler por completo a informação, pensar e refletir acerca dela, e logo a seguir sublinhar o que penso ser importante, repetindo a leitura desse excerto. Eu resumo pouco a pouco, não pedaços de texto grandes, prefiro fazer tudo mais devagar porque me ajuda a perceber e a memorizar mais facilmente.

Acerca dos lápis, que é provavelmente a parte que toda a gente quer saber, eu passo a explicar. Eu não faço os meus títulos com caixilhos, mas mantenho um tipo de letra diferente. No entanto, eu escrevo a informação toda que considero importante, e os subtítulos pinto a cor de rosa, os nomes são pintados a verde quando os defino, e dentro do importante, pinto a amarelo o importantíssimo.

Eu posso fazer um resumo regular, com a matéria escrita por ali abaixo, ou então posso criar uma coluna onde vou por os títulos e algumas definições e notas, e do outro lado (o maior) escrevo a informação e vou sublinhando à medida que vou fazendo.

É assim que eu faço os meus apontamentos, espero que tenham gostado. Se souberem de outra forma de os embelezar ainda mais ou se querem que faça um post dentro desta categoria acerca de algum dos vários temas que aqui tenho, digam-me por aí!

Beijinhos e até à próxima <3

 

O dilema

Hey there!! Estou com um dilema desgraçado! Vou ter teste de Físico-Química, nomeadamente de física, e eu devo dizer que sou um desastre a física. No entanto, preciso de conseguir subir a minha nota, logo, preciso de estudar!

Mas agora estou com um dilema, não estou com cabeça para estudar, mas tenho que estudar!

Estudo ou descanso? Eis a questão!

 

O balanço do 1º Período

Hey there!! Eu sei que tenho andado mais desaparecidita, mas bem, espero conseguir postar mais durante estas férias.

O 1º período terminou, confesso, nunca tive um período tão bom a nível de felicidade, mas nunca tive um tão mau a nível de notas.

Este período foi o início do meu ano, como sabem eu fui para uma turma diferente, eu sabia que as coisas iam mudar, o que eu não sabia era o quanto.

Conheci a minha macaca, a minha melhor amiga, a companheira das maluquices, uma retardada como eu. Conheci o amor da minha vida, a minha âncora, a pessoa que vai estar aqui não importa o que aconteça, que me ama da forma que sou e aceita cada marca no meu corpo, porque para ele sou a miúda mais linda, inteligente, especial, maravilhosa, lutadora e sexy, sou eu e isso para ele é o suficiente.

Eu conheci muitas mais amizades, faço parte da squad de melhores amigos mais retardada e fofa que alguma vez pude imaginar, além das outras amizades que são do melhor existente.

As minhas notas... essas aí... primeira vez na vida que não vou tirar um único 5 na pauta e estive quase a tirar uma negativa num teste (nunca ia tirar 2 porque a nota do primeiro teste não o permitiria), isso nunca me aconteceu, mas pronto, no próximo período vou trabalhar o máximo possível para alcançar.

Por agora, estou de férias, vou sair umas quantas vezes, mas acima de tudo vou descontrair e descansar o suficiente para estar fresca para enfrentar o próximo ano e tudo o que com ele vier.

 

 

O dia em que as aulas de ciências foram a pior das torturas chinesas

Estou no 9º ano, como tal, a matéria lecionada em Ciências é tudo ligado a Medicina, que tal como se sabe aqui, é a minha profissão de sonho. Nunca me senti incomodada numa aula de ciências, mesmo que as minhas notas não correspondessem às espectativas, ciências continuava a ser uma disciplina que não me incomodava. Até hoje.

Demos os distúrbios alimentares e eu vou ter que confessar com a maior da frontalidade possível, eu senti-me torturada. Estão a ver quando vocês têm um problema e as pessoas estão a falar dele sem a mínima noção do que estão a falar? Bem... foi isso que senti.

Custou-me muito, até engolir se tornou complicado, foi incomodativo, ainda que eu tivesse ajuda de um amigo meu que sabia (por ironia do destino ficou ao meu lado na tal maldita aula), foi terrível ouvir uma pessoa que não sabe patavina do que está a dizer, a própria definição dada foi uma verdadeira anedota, poucas palavras, não explicava nada...

Hoje, dia 16 de novembro de 2016 foi o dia em que Ciências passou a ser a pior tortura chinesa existente.

Eu sendo uma ginasta

Hey there!! Hoje eu tive Educação Física e finalmente, estamos a dar algo em que eu sou boa: trampolim e acrobática. Eu adoro estas duas áreas, e também o meu salto em altura.

Resumindo, fiz um montão de saltos no trampolim, fiz espargatas (isso fez muito sucesso), meti o pé na minha própria cabeça, e por fim também fiz o apoio facial invertido, conhecido como pino.

Eu fiz o pino sozinha, o que para mim foi uma vitória, visto que nunca o consegui fazer, eu tenho andado a trabalhar muito! O que eu quero fazer agora é dar uma de Mackenzie Ziegler:

 

October 31st | Happy Halloween

Hey there!! Hoje, como todos sabem, é dia de Halloween. Eu sou uma pessoa que não acha grande piada ao Halloween mas este ano, passei a gostar, senti o espírito do Halloween. Por isso resolvi falar-vos do meu dia de Halloween.

Resolvi vestir-me toda de preto, vesti umas meias calças pretas, uns calções pretos uma t-shirt preta com um lábio vermelho, apanhei o cabelo bem no topo, pintei os olhos, os lábios de vermelho e calcei os meus saltos altos. Confesso que me senti poderosa e confiante, realmente começo a acreditar no que certa gente diz "Uma roupa sexy, um batom vermelho, uns saltos altos e uma boa cruzada de pernas contribuem para a confiança de uma mulher".

Qual foi o disfarce mais visto? Harley Quinn! Em cada esquina havia pelo menos uma Harley Quinn, eu confesso que também fui de Harley Quinn, a diferença é que fui original e fui uma Harley Quinn rockeira.

Resumindo, hoje foi um dia de Halloween muito animado, diverti-me com os meus amigos, foi bastante porreiro!

Como foi o vosso? Também se divertiram?

 

 

 

#1 Period Talk | Storytime: Ele ouviu!

Hey there!! Isso mesmo, eu não sei quem percebeu, mas para quem percebeu ou para quem está a pensar no que o título significa, sim, eu vou falar do período! Sem tabús, sem segredos, sem ocultações, histórias contadas como devem ser contadas, tudo às claras!

Esta rúbrica tratar-se-á de falar do período, histórias, tutoriais, conselhos, tudo e mais alguma coisa que possam imaginar. Por isso, desta vez eu vou para o que muita gente gosta de saber, aquelas histórias.

Vou contar um episódio que aconteceu hoje durante a minha aula de Físico-Química, senti alguma coisa descer, e quando isso acontece já se sabe o significado, não é?

Chamei o professor e ele veio à minha beira, eu sussurrei que tinha que ir à casa de banho (já com a minha bolsinha de emergência debaixo da camisola e o professor deixou-me, tudo numa boa. Eu voltei para aula já com o "problema" resolvido, ora saí e um dos meus amigos no final volta-se "Estás melhor? Eu ouvi o que disseste ao stor... sei que estás com o período". 

É claro que foi um pouco embaraçoso visto que mal o conheço, confesso que acho que fiquei vermelha mas ele foi muito fixe comigo e não gozou, por isso foi tudo numa boa.

O que vos digo é que não tenham vergonha, é uma coisa normalíssima, e se algum rapaz gozar com vocês é porque é ignorante!

Quem está deste lado?

Uma adolescente com os seus consistentes 15 anos que sobrevive às adversidades do dia a dia, acompanhada do seu blog, onde conta as suas peripécias e aventuras.

Estudante de secundário durante o dia, blogger durante a noite. Uma apaixonada pela escrita de todo o tamanho. Pensadora nata. Eterna sonhadora.

Para muitos um livro aberto, para outros um mistério por resolver.

Intrigado? Fica por estes lados e talvez desvendes o mistério.

Apresentação Visual

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D