Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Uma música que bem que podia ser de Natal

Estava a ouvir a "Love Me Like You Do" no Youtube quando vi outra música da Ellie Goulding e resolvi ouvir. É uma música romântica, mas até que ponto esta música não pode ser considerada natalícia?

Digo isto porque indo à tradução, a música fala sobre o amor de alguém que para todos os efeitos pode ser da nossa família, um avô, por exemplo. Há que ver que esta música fala do tempo, do tempo em que se pode estar mais com essa pessoa. Essa música lembra-me perfeitamente o Natal porque o Natal é estar em família, com os nossos fammiliares de todas as gerações possíveis, e podemos associar ao facto de muita gente deixar os seus pais passar o Natal sozinhos, quem passa o Natal em família e tem o mínimo de respeito e afeto pela pessoa vai perguntar-se "Quantos mais Natais vamos poder passar juntos? Durante quanto tempo mais vou poder ouvir a tua voz? Abraçar-te?".

Dito isto acho um pouco inevitável não pensar no Natal, não acham? Por último deixo aqui a canção:

 

#6 Blogmas: O Expresso de Natal

 Hi everybody! Well, hoje neste Blogmas trago um post sobre família. O que se passa é que este ano os meus avós do Alentejo (a minha mãe é alentejana e o meu pai é de Lisboa) vêm passar o Natal connosco. Os meus tios e primos do Porto (vivem lá) não vêm passar o Natal connosco, não sei porquê, mas desde que me conheço que sempre foi assim.

Continuando, vou buscar os meus avós do Alentejo ao Expresso, vai ser a 1ª vez nesta casa, e sinceramente a única coisa que vai mudar é mais gente à mesa e mais gente na sala, de resto tudo vai ser a mesma coisa. Eu gosto de os ir buscar ao Expresso, ter aquela emoção de quando é que eles vão sair, sai uma pessoa, sai outra, e quando os vejo vou a correr abraçá-los!

Vocês também são assim?

Quem está deste lado?

Uma adolescente com os seus consistentes 15 anos que sobrevive às adversidades do dia a dia, acompanhada do seu blog, onde conta as suas peripécias e aventuras.

Estudante de secundário durante o dia, blogger durante a noite. Uma apaixonada pela escrita de todo o tamanho. Pensadora nata. Eterna sonhadora.

Para muitos um livro aberto, para outros um mistério por resolver.

Intrigado? Fica por estes lados e talvez desvendes o mistério.

Apresentação Visual

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D