Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

#3 Sweet 14: As falinhas mansas

Hi people! Cá trago mais uma lição de vida, mais um dica e mais um história que vos pode ajudar.

Aqui há uns tempos estive numa situação delicada, um triângulo amoroso constituído por mim, pela minha rival e pelo atual ex-namorado dela. O certo é que na altura eu era muito diferente, mas é como eu costumo dizer, há sempre aquele primeiro amor (amor pode ser um sentido de amizade) que te destrói e há sempre o primeiro amor que te reconstrói. Neste cenário, tivemos a presença da primeira.

Hoje, ele teve de vir para a minha beira na aula (ele fica muitas vezes ao meu lado, mas cada vez mais mudam os lugares e eu já quase nem fico com ele) e como a amiguinha dele não estava ele veio todo sociável para mim "Olá Isa!" todo sorridente e contente, começou as falinhas mansas, mas coitadinho eu na caí na lábia dele, e quando percebeu que eu já caía mais nos "encantos" (que agora me dão nauseas) dele, começou a arreliar-me.

Começou a gozar com as minhas origens, reapareceu com o assunto da minha suposta gravidez e tudo mais, eu estava a controlar-me para não lhe pregar uma quantidade de estalos bem dada e bastante razoável também. Eu não aguento mais isto, não tenho de aturar isto, o meu maior sonho era que a minha turma mudasse!

 Lição de hoje: Não cedas a falinhas mansas e controla-te para não rebentares

Dica de hoje: Pensa no que o teu amigo que é a reencarnação viva do Pessoa faria, ou é melhor não, ele teria mesma reação que tu! Pensa antes na tua amiga doce, ajudar-te-á!

#2 Sweet 14: Começar a escrever um novo capítulo

Hi people! Well, trago mais um post dos Sweet 14, e desta vez, vou contar-vos o que resolvi fazer ontem.

Eu tenho um passado que agora vou colocar definitivamente nas catacumbas do esquecimento.

Há uns tempos atrás quando contei esse passado a uma pessoa muito sábia (diria mais poética, o próximo Pessoa) disse-me "Tens de deixar isso para trás", mas eu não sabia como e não conseguia, para mim era impossível.

Ontem há noite descubri como fazê-lo, e provei coneguir fazê-lo. Contei a uma das minhas amigas online, que é blogger e é uma querida, sabia que ela nunca me julgaria e contei-lhe tudo. Eu e ela fizémos um pacto que eu vou tentar cumprir, porque eu tenho o mau hábito de prometer coisas que não consigo cumprir e que por razões óbvias acabo sempre por não conseguir cumprir.

Mas o certo é que com este post enterrei o assunto de vez, acabou aqui, vai fazer parte do meu passado, mas não do meu presente. Vou largar este meu passado com este post definitivamente, portanto vou parar de enrolar e acabar com isto de vez, assunto morto e enterrado, ponto!

Lição de hoje: Para começar um capítulo novo, põe um fim ao outro!

Dica de hoje: Para o fim aproveita e põe um ponto final!

 

#1 Sweet 14: O meu dia de anos completo

Hi people! Lembrei-me ontem de fazer uma rubrica onde vos conto o meu nao, ou seja, os meus 14 anos. Agora que fiz 14, sinto-me mais confiante por alguma razão desconhecida, a ficha ainda não caiu, mas pronto. O tema de hoje, é o meu dia de anos, como é que foi, desde o que não contei, até como me senti, relatório quase completo (há coisas que ninguém precisa de saber).

Bem, de tarde eu fui ao shopping com os meus avós, basicamente o meu arrastou-me para lá, mais tarde com a desculpa de eu ter de trocar a camisola que me ofereceram. Fiquei lixada com as mulheres da Bershka porque não me quiseram trocar a camisola, segundo elas "Tem de ser o titular do cartão".

Eu fui tomar alguma coisa com os meus avós e logo a seguir fui com a minha avó à Lefties. Ora, no meio daquilo tudo liga-me a Inês a ex-blogger do "Secrets Of a Teenager", começou a fazer-me perguntas do género que é que estava fazer, onde estava, o que tinha vindo fazer, algo suspeito, mas eu não liguei, respondi.

Quando eu me viro e vejo a entrada e a vejo a ela fomos a correr uma para outra, e tal como da outra vez o pai dela gravou nós a corrermos para nos abraçarmos. Foi grande loucura, falamos um pouco mas ela teve de ir depois, mas foi tão giro! O meu pai ajudou no esquema todo, foi o máximo!

Lanchei com os meus avós e depois fomos embora, um montão de gente desejava-me feliz aniversário, exceto uma pessoa que eu estava à espera que me desse, eu estava furiosa porque achava que ele se tinha esquecido! Andei irritadíssima e sempre que o telemóvel dava notificações pensei que fosse ele, mas nada, nunca era!

A minha festa começou e sua excelência não dava sinal de vida, até que mandou mensagem e eu respondi mesmo seca "Tás vivo?", mas emendei a seguir porque o meu irmão disse para não ser assim. Resumo da história: ele não tinha vindo ao Facebook e por isso é que ainda não me tinha dado os parabéns, ou seja, fui mesmo injusta.

Agora passando à parte dos 14 anos, ainda não acredito, parece que ainda tenho 13, porém agora que tenho 14 anos sinto-me mais confiante, sinto-me diferente, percebem?

Recebi mais dinheiro, uma camisa de dormir, uma t-shirt e um calhamaço que não sei se vou ler. A festa foi feita de risos e muita conversa, foi especialmente divertido estar com o meu "irmão" por já não estar com ele há imenso tempo!

E pronto, este foi o primeiro post da rubrica dos Sweet 14. Have a nice weekend!

Quem está deste lado?

Uma adolescente com os seus consistentes 15 anos que sobrevive às adversidades do dia a dia, acompanhada do seu blog, onde conta as suas peripécias e aventuras.

Estudante de secundário durante o dia, blogger durante a noite. Uma apaixonada pela escrita de todo o tamanho. Pensadora nata. Eterna sonhadora.

Para muitos um livro aberto, para outros um mistério por resolver.

Intrigado? Fica por estes lados e talvez desvendes o mistério.

Apresentação Visual

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D