Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Eu estou viva.

Hi! Sou eu, a Bella. Lembram-se de mim? Provavelmente não. Devo ter caído no esquecimento. 

Quem é a Bella? A Bella é a Riley, a Riley é a Bella. Mas quem são a Riley e a Bella? A mesma pessoa, cujo nome é Isabela. Querem uma curiosidade? A Riley, a Bella, a B... tudo a mesma pessoa. Como assim? Sou a B. Eu criei a B para mostrar que não era a mesma, e não era, aquele era mais um lado que eu tinha descoberto.

Quem é a Bella? A Bella é uma identidade que nunca fugiu, desde o dia em que nasceu veio ao mundo. Eu, Isabela Oliveira, não nasci para ser a Isabela, eu nasci para ser a Bella.

Já se estão a lembrar de mim? Aquela rapariga que vez uma Sister Tag com a suposta irmã gémea que é um lado diferente dela? Aquela rapariga conhecida por fazer textos motivacionais quando a sua motivação na vida era mesmo continuar a escrever porque já nada fazia sentido?

Tirei este tempo porque fiquei sem motivações. Não queria ler. Não queria escrever. Não queria pensar no post que ia ter que publicar. Então afastei-me. Afastei-me porque era o mais justo. Para mim. Para vocês.

Neste momento vão saltar-me em cima pessoas que vão dizer "Miúda decide-te, estás sempre a ir e a voltar. Se não queres estar aqui não estejas, só não sejas dramática". Toda a gente pensa que não há. Mas há gente assim.

Eu afastei-me para descobrir o que queria para a vida. O que eu era. O que eu queria ser. O que gosto. O que não gosto. 

Tentaram que eu mudasse. Eu mudei. Não fui mais a mesma pessoa. Eu também quis mudar. A culpa não é só deles. Também é minha. A última palavra era minha e eu dei-a. O certo é que eu tento tanto agradar os outros, que depois não agrado ninguém e sou criticada por não ser de tal forma, ou por usar tal coisa, tento mudar e sou criticada de novo.

As pessoas foram más comigo. Foram injustas. Foram pessoas. Durante este tempo afastei-me das redes sociais e um pouco das pessoas. Sabem porquê? Hate. Eu fui tudo e mais alguma coisa. Entre os maus olhares a más ações, eu não quero muito desenvolver este assunto porque me faz ficar triste e parecer a vítima da fome e da guerra e o objetivo deste post não é, de todo, esse.

O que é isto? Voltei? Não voltei? Não sei. Não quero fazer promessas. Vou dar o meu melhor. O blog sempre foi o refúgio. Não sei se é mais. Talvez seja o escape do mundo real de que eu preciso. Talvez seja a nova fase de que eu preciso para voltar a ser completamente eu. Talvez seja aquilo que eu precise para fugir aos problema do meu quotidiano. Talvez seja o que eu preciso para me sentir "estrela do meu próprio espetáculo".

Fiquem ligados, alguns posts futuros virão, não sei quando, mas virão.

Be simple. Be original. Be yourself.

Bye guys.

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Quem está deste lado?

Uma adolescente com os seus consistentes 15 anos que sobrevive às adversidades do dia a dia, acompanhada do seu blog, onde conta as suas peripécias e aventuras.

Estudante de secundário durante o dia, blogger durante a noite. Uma apaixonada pela escrita de todo o tamanho. Pensadora nata. Eterna sonhadora.

Para muitos um livro aberto, para outros um mistério por resolver.

Intrigado? Fica por estes lados e talvez desvendes o mistério.

Apresentação Visual

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D