Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

O mundo tem que mudar

Ontem, uma youtuber que eu adoro, a Beatriz Geada publicou um vídeo tão, mas tão inspirador que se tornou um fenómeno no Twitter, hoje de manhã, quando fui à rede social deparei-me com os comentários maldosos a criticar o vídeo e ela própria.

Eu dei-me conta que estou cansada de viver num mundo tão podre, está bem que uma coisa é humor, como o que eu própria faço muitas vezes, mas há um limite e isto ultrapassa todos os outros.

Não são as curvas, as mamas, o corpo em si, que definem uma mulher, nada disso faz de nós mulheres. O que faz de nós mulheres é a nossa atitude, é isso que faz uma mulher. Sabem que vos digo? Tenho espinhas, tenho estrias, tenho marcas, cicatrizes e um risco no dente da frente, os meus dentes são um pouco amarelos, as minhas unhas estão estragadas e sabem que vos digo? Nada disto me torna menos que uma top model, uma mulher com o corpo dito perfeito devido aos padrões que a sociedade, e quando digo sociedade refiro-me a todos nós, inclusivamente a mim, que acidentalmente ou não, criou.

Que sentido faz gozar com o corpo de outra pessoa? Estou cansada de passar pelas redes sociais e ver pessoas a fazerem coisas assim, gozarem com a imagem de certas pessoas, que sentido é que faz?

Isto só serviu para provar que este mundo está podre, e eu estou cansada de viver neste mundo tão podre e consumido por valores completamente... nem tenho a palavra para isto!

Por fim, apelo a todos vocês que vejam o vídeo genial que ela fez, e quem quiser que acompanhe a situação no Twitter, pensem, reflitam e tomem uma posição clara numa situação destas.

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Quem está deste lado?

Uma adolescente com os seus consistentes 15 anos que sobrevive às adversidades do dia a dia, acompanhada do seu blog, onde conta as suas peripécias e aventuras.

Estudante de secundário durante o dia, blogger durante a noite. Uma apaixonada pela escrita de todo o tamanho. Pensadora nata. Eterna sonhadora.

Para muitos um livro aberto, para outros um mistério por resolver.

Intrigado? Fica por estes lados e talvez desvendes o mistério.

Apresentação Visual

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D