Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Para os ansiosos

Antes de mais não venho apresentar qualquer medida que deixe a toda a gente ansiosa, venho apenas fazer um post aos ansiosos, pessoas que sofrem de constantes ou ocasionais ataques de ansiedade (pessoas tão ou mais ansiosas que eu).

Bem, eu acho que sempre fui ansiosa, mas eram ataques de ansiedade ocasionais tipo uma vez por ano, se tanto.

De hoje em dia as coisas mudaram, tenho constantes ataques de ansiedade por razões desconhecidas, de vários tipos. Sim, porque não sei se quem não é ansioso e mesmo alguns ansiosos sabem, mas os ataques de ansiedade não são essencialmente barulhentos, eu muitas vezes tenho-os e ninguém se apercebe, são silenciosos, acho que paro mesmo de respirar durante algum tempo.

Só na última semana (que ainda não acabou, por isso...) eu tenho andado assim e não sei porquê, ou seja, em quatro dias eu já tive para cima de 10 ataques e desconheço a razão de maior parte. O pior foi o de terça-feira de noite, já estava irritada e de repente quando me deitei comecei a chorar compulsivamente e sem saber a razão, quanto mais perguntas e mais atitudes tomaram pior era. Nessa noite acordei uma vez no mesmo estado.

Esta noite foram três vezes, acordei a chorar e sem saber a razão e em Inglês chorei também sem saber a razão, senti-me mesmo mal. Neste momento acho que não só destruí a imagem que os outros tinham de mim, como me destruí a mim mesma.

Eu sinto-me destruída psicológicamente, é como se tivesse perdido a minha essência e a minha consciência, e pior que isso é que sinto que me cheguei a perder a mim, se é que algum dia tenha sabido quem realmente era, talvez nem sequer me tenha chegado a encontrar alguma vez, sei lá, posso ser quem sou agora, uma maluca que precisa de um psicólogo. Que de repente lhe dá e começa a tossir e a faltar o ar, chegando por vezes a chorar compulsivamente, que sem mais nem menos deixa de falar, que tem ataques de raiva e só tem vontade de matar toda a gente à sua frente e que a irrite com as próprias mãos, que quando tosse tem medo de ter outro ataque, que começa um choro silêncioso só porque sabe-se lá a razão!

Hoje preguei tantas a um amigo meu que nem posso acreditar que o fiz, ele irritou-me e depois insinuou que eu estava a fingir tudo, nesse momento eu explodi e comecei a chorar e a fazer o que fiz, naquele momento a minha vontade era sem dúvida alguma, agarrá-lo pelos cabelos e bater-lhe com a cabeça na parede até fazer sangue, porém, não o fiz, acho que ainda estava um bocadinho em mim, senão, tudo teria corrido péssimamente!

 

 

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Quem está deste lado?

Uma adolescente com os seus consistentes 15 anos que sobrevive às adversidades do dia a dia, acompanhada do seu blog, onde conta as suas peripécias e aventuras.

Estudante de secundário durante o dia, blogger durante a noite. Uma apaixonada pela escrita de todo o tamanho. Pensadora nata. Eterna sonhadora.

Para muitos um livro aberto, para outros um mistério por resolver.

Intrigado? Fica por estes lados e talvez desvendes o mistério.

Apresentação Visual

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D