Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Festival do Iave 2017

Vocês não percebem bem o que me está a acontecer! Sabem os festivais de verão? Pronto, este ano, pela primeira vez, eu vou a um festival de verão!

Quando tinha 12 anos também cheguei a ir, mas foi na área Kids. Este ano, vou pela primeira vez, ao festival mais cansativo da história! Estou no escalão mais baixo, mas ainda assim vou ao Festival do Iave!

Eu vou ver os fantásticos Pitágoras e Tales, bem como o nobre Gil Vicente, e o herói Luís de Camões! Opá, estou mesmo animada, é inédito para mim!

Não sei como vai sair, porque ainda falta saber se o Euclides vai aparecer, e desse eu não gosto nada! 

Como podem ver, o cartaz está bastante bom este ano, depois disto, só volto a ir em 2019, quando tiver 17 anos.

Quem mais aí vai ao Festival do Iave? Desejo um bom Festival a cada alma que vá!

 By the way, eu estava a brincar. Não quero NADA ter exames! Mas bem, tenho que parar de procrastinar e fazer-me aos livros. 

Se vais ter exame, boa sorte e espero que te corra muito bem.

Se este ano não tens exame, disfruta essa vida boa ao máximo.

Se já acabaste a escola e a faculdade, boa sorte para a vida!

#1 Student Life | Como faço os meus apontamentos

Acho que todo o estudante que é dedicado à escola, estuda para os testes, eu sou uma delas. O meu método são os resumos. Para muitos, estudar é aborrecidíssimo, mas eu não penso assim, eu penso que temos de nos saber motivar e pensar que o resumo não é escrever lá a matéria, é uma ata do que achamos conveniente saber.

Neste post venho mostrar-vos como faço os meus apontamentos, porque eu não faço aquele tipo de resumo convencional do género: escrevo aqui o título deixo uma linha e escrevo a matéria. Os meus resumos são umas história completamente diferente.

Para começar, vou fazer aqui uma pequena lista dos materiais que uso:

  • caneta preta
  • caneta de ponta fina preta
  • Sublinhador amarelo
  • Lápis de cor verde
  • Lápis de cor rosa
  • Lápis de cor amarelo
  • Canetas de outra cor

 

Neste momento devem estar a pensar porque é que raio eu utilizo lápis de cor nos meus resumos, afinal está toda a gente habituada a canetas de cores diferentes e a sublinhadores, mas quem disse que não posso pintar os títulos, o nome das definições e a parte importante?

É importante referir que não os uso todos no mesmo resumo, vai dependendo do que me apetece fazer no dia, penso que a criativadade é uma das palavras chave para os resumos.

Os únicos materiais que mantenho sempre são as duas canetas. Uso a caneta de ponta fina para fazer alguns títulos com uma letra mais trabalhada ou para fazer os caixilhos em torno do título, se os fizer uso sempre uma caneta de outra cor para os enfeitar.

Quando uso o sublinhador amarelo (posso usar mais que o amarelo, mas costuma ser raro), faço títulos trabalhados. Algo que eu faço e que antes não fazia é ler por completo a informação, pensar e refletir acerca dela, e logo a seguir sublinhar o que penso ser importante, repetindo a leitura desse excerto. Eu resumo pouco a pouco, não pedaços de texto grandes, prefiro fazer tudo mais devagar porque me ajuda a perceber e a memorizar mais facilmente.

Acerca dos lápis, que é provavelmente a parte que toda a gente quer saber, eu passo a explicar. Eu não faço os meus títulos com caixilhos, mas mantenho um tipo de letra diferente. No entanto, eu escrevo a informação toda que considero importante, e os subtítulos pinto a cor de rosa, os nomes são pintados a verde quando os defino, e dentro do importante, pinto a amarelo o importantíssimo.

Eu posso fazer um resumo regular, com a matéria escrita por ali abaixo, ou então posso criar uma coluna onde vou por os títulos e algumas definições e notas, e do outro lado (o maior) escrevo a informação e vou sublinhando à medida que vou fazendo.

É assim que eu faço os meus apontamentos, espero que tenham gostado. Se souberem de outra forma de os embelezar ainda mais ou se querem que faça um post dentro desta categoria acerca de algum dos vários temas que aqui tenho, digam-me por aí!

Beijinhos e até à próxima <3

 

Quem está deste lado?

Uma adolescente com os seus consistentes 15 anos que sobrevive às adversidades do dia a dia, acompanhada do seu blog, onde conta as suas peripécias e aventuras.

Estudante de secundário durante o dia, blogger durante a noite. Uma apaixonada pela escrita de todo o tamanho. Pensadora nata. Eterna sonhadora.

Para muitos um livro aberto, para outros um mistério por resolver.

Intrigado? Fica por estes lados e talvez desvendes o mistério.

Apresentação Visual

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D