Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Lost in a Cloud

Be simple. Be original. Be yourself.

Tipos e problemas de bloggers

Eu sei que muitos de vocês já leram posts assim milhões de vezes, mas eu quero fazer uma coisa diferente. Vou falar dos tipos de bloggers e o problema dos bloggers.

Comecemos pelos tipos de bloggers com que eu já me deparei:

  • Os cuidadosos: Este tipo de bloggers estão sempre preocupados com o vocabulário, com a articulação das frases e com o tipo de linguagem que vão usar no post. Preocupam-se em formatar tudo muito bem formatado e antes de publicá-lo voltam a lê-lo para verificarem se está tudo em condições. Depois, quando o publicam vão ver ao blog como ficou e voltam a lê-lo para ver se não tem erros ou mesmo se não se esqueceram de nada.

 

  • Os naturais: Este tipo de bloggers encontram inspiração nas mais pequenas coisas como na paisagem, numa música ou no seu quotidiano, tudo os faz ter inspiração e lhes dá ideias. Basta abrir a página e quando vêem a folha virtual em branco vem-lhe uma ideia qualquer, não precisam de ficar a pensar, numa questão de milésimas de segundo já têm um assunto para escrever. Quanto aos posts em si, não estão tão preocupados com a formatação ou a planificação, deixam tudo acontecer naturalmente.

 

  • Os stressados: Este tipo de bloggers não consegue arranjar inspiração como os naturais porque são demasiado stressados, não relaxam e ficam sempre a pensar no que escrever, por isso mesmo, nunca lhes sai nada. É uma complementação dos cuidadosos.

 

  • Os relaxados: Este tipo de bloggers deixam a vida passar, não se preocupam demais e isso, parecendo que não, nota-se imenso nos posts que escrevem. Não pensam muito no futuro, escrevem porque lhes dá prazer e porque gostam disso, não pensam numa carreira de bloggers, mas se acontecer porque não?

 

  • Os divertidos: Este tipo de bloggers é quase igual aos relaxados, mas com uma dose de divertimento. Falam das coisas mais tristes até com algum humor usando a ironia para isso.

 

Passando agora aos problemas que acho que a todos nos atingem, cá vai:

 

  1. Esquecer a brilhante ideia que tivemos
  2. Não ter uma ideia clara sobre o que fala o nosso blog
  3. Não ter sobre o que falar
  4. Falarmos de nada por falta de assunto
  5. Não termos disponibilidade para escrever

 

E agora vou falar de um problema que não sei se é geral, mas a mim está constantemente a acontecer. Tenho a caixa de rascunhos cheia. Eu sei que não parece um grande problema, mas o problema é a razão pela qual tenho a caixa de rascunhos cheia.

O meu grande problema é que estou a escrever um texto e, por muito bom que possa estar e que me digam que está, para mim simplesmente não presta! Se estiver a escrever qualquer coisa, durante o encadeamento de ideias eu vou lendo e chega a um ponto que guardo como rascunho porque acho uma verdadeira porcaria o que estou a escrever!

Tantas vezes que já tentei escrever um livro... mas nunca consegui ir para a frente com a ideia, proque apesar de gostar do que estou a fazer à primeira impressão, mais cedo ou mais tarde, acabo por deixar de lado porque detesto o que estou a fazer, acho que não presta!

O meu pai já falou comigo sobre isso e diz que é insegurança e que não faz sentido deixar as coisas de lado, porque quem sabe, eu até tenha muito bom material guardado.

Têm algum destes problemas ou identificam-se com algum destes bloggers?

 

15 comentários

Comentar post

Quem está deste lado?

Uma adolescente com os seus consistentes 15 anos que sobrevive às adversidades do dia a dia, acompanhada do seu blog, onde conta as suas peripécias e aventuras.

Estudante de secundário durante o dia, blogger durante a noite. Uma apaixonada pela escrita de todo o tamanho. Pensadora nata. Eterna sonhadora.

Para muitos um livro aberto, para outros um mistério por resolver.

Intrigado? Fica por estes lados e talvez desvendes o mistério.

Apresentação Visual

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D